bancos e puffs

Dica de decoração

7 dicas para complementar o décor inserindo bancos e puffs

01 JUN 2018

Eles são versáteis, práticos e responsáveis por dar aquele toque diferenciado no décor. Mesmo não sendo protagonistas de um cômodo, os bancos e puffs têm como maior vantagem a praticidade. Uma peça pode ir bem tanto na sala quanto no quarto, e nos dias de festa, são imprescindíveis para deixar os seus convidados bem acomodados. Para te inspirar e facilitar o seu dia a dia, reunimos a seguir sete dicas que te ajudarão a inserir puffs e bancos no décor.

1- Misture mesa e puff e crie um novo móvel

Essa dica vale principalmente para espaços compactos. Experimente fazer como Roberta Lopes nesse living. O puff Back em formato retangular está posicionado abaixo da mesa de vidro, criando um interessante jogo de texturas. Nos dias de festa, é só puxá-lo e posicioná-lo no melhor local para os seus convidados.

bancos e puffs

2 – Aposte em diversos modelos de bancos em um só ambiente

Ótima estratégia para tirar o décor da mesmice, a mistura de diferentes modelos de bancos foi a tônica desse espaço de Lúcio Nocito. À esquerda, os bancos Pandu rodeiam a mesa de jantar, enquanto um outro banco de madeira serve de apoio à mesa de centro. Banquetas também são uma ótima forma de deixar seu décor mais atraente. No bar, as banquetas no modelo Fly garantem os momentos de confraternização.

bancos e puffs

3 – Escolha o material e design que mais combina com o estilo da sua sala

Prestar atenção no design e no material dos bancos e puffs ajuda na hora de deixar a decoração mais harmoniosa. Nessa sala, o design curvo dos móveis ganha a companhia das banquetas Pandu. Outro ponto alto é a escolha do seu material: de madeira, ela valoriza o tapete e faz um elegante contraponto com o azul das poltronas Museet.

bancos e puffs

4 – Puff como mesa de centro

Em espaços amplos, como esse home de Larissa Dias, é interessante pensar fora da caixa e surpreender com um móvel que tenha uma função inusitada. Nele, os puffs Back também assumem o papel de mesa de centro, fazendo com que o local inspire conforto. Se quiser apoiar objetos como copos e pratos, basta deixar uma bandeja sobre eles.

bancos e puffs

5 – Deixe seu closet mais confortável com puffs e bancos

Eles são ótimos aliados na hora de escolher e vestir roupas – pode-se deixar as peças pré-selecionadas sobre o puff, por exemplo, e calçar sapatos com a ajuda de um banco. Se seu closet possui espaço suficiente, vale apostar na combinação das duas peças.

Márcia Menezes escolheu o puff 8600 e o banco Pino para esse closet, deixando tudo mais funcional, sem abrir mão da harmonia estética.

bancos e puffs

6 – Use o puff como ponto de cor de um ambiente

Ótima estratégia para quem gosta de um décor com bases neutras e pontos de cor. Nessa suíte, Adriana Dib escolheu o puff 026 com acabamento de couro vermelho para valorizar o cinza que serve como base da cartela de tons do ambiente.

bancos e puffs

7 – Bancos como peças decorativas

Atribuir dupla função a uma peça na decoração é iniciativa essencial em tempos em que o dia a dia respira praticidade. Elda Midian e Betânia Midian usaram os bancos Rolhas como adornos nessa adega. Nos dias de casa cheia, é só puxá-los para acomodar os convidados.

bancos e puffs

Gostou das nossas dicas? Então visite uma de nossas lojas para escolher os bancos e puffs que mais combinam com a sua casa!

Como escolher o sofá perfeito