Inspiração

Detalhes que enfeitam

28 OUT 2015

Adornos complementam o décor, dão aconchego ao lar, refletem a personalidade do morador e até contam a sua história. Na hora de incrementar sua casa com eles, tenha em mente que o mais importante é criar uma harmonia – não necessariamente uma simetria – entre os objetos e o ambiente. Se não há uma regra fixa (talvez a fundamental seja não impedir a circulação), vale o bom senso. Uma maneira de equilibrar o espaço é pensar em uma cartela de tons neutros, misturada a pontos de cor. Para os menos ousados, os tons vibrantes devem ser usados em menor quantidade – os adornos, então, são uma ótima opção!

Lenora Lonrish & Carla Belora-decora Rio 14

Thiago Manarelli e Ana Paula Guimarães

É possível misturar peças de estilos e materiais diferentes, mesmo em casas que já tenham muitos objetos pessoais, obras de arte e memórias, como fotos e recordações de viagens. Vai depender do estilo pessoal. Para as fotografias, vale desde o tradicional porta-retratos a ideias mais atuais, como dispô-las displicentemente em um painel ou emoldura-las (penduradas na parede ou encostada no aparador, por exemplo).

Na mesa de centro ou aparador use poucos adornos, mas marcantes. Duas ou três peças maiores pesam menos – e deixam o ambiente mais chique – do que um monte de peças menores. Um livro imponente dá personalidade e fica ótimo com pesos de papel ou uma pequena escultura.

Acompanhe a Lider Interiores no Facebook, no Twitter e Instagram.

A Lider Interiores também adora um adorno. Em nossas lojas você encontra opções para todos os gostos. Eles são uma ótima maneira de mudar a decoração sem gastar muito. Vale até mudar o layout do ambiente, trocando os móveis de lugar. Com poucas peças novas, sua casa ganha outra cara. Para quem tem muitos objetos, uma dica é deixar alguns guardados e, de vez em quando, revezá-los com os que estão expostos.

Ney Lima

Living Multiuso - Gisele Taranto Arquitetura 2

– Porcelanas, cristais, vidros (sozinhos ou agrupados em várias cores, inclusive em diferentes alturas e formas) e metais compõem desde espaços clássicos aos mais contemporâneos.

– Também é interessante investir na mesma gama de cores, com peças de diferentes formas, materiais e tamanhos.

– Objetos e coleções menores podem ser organizados em bandejas, nichos ou prateleiras. Também ficam um charme emoldurados na parede.

– Vasos com flores naturais são um ótimo complemento, pois dão vida ao ambiente.

– Espelhos, além de enfeitar, imprimem sofisticação e ampliam o ambiente.

– Madeira, cerâmica e peças de artesanato ajudam a criar uma ambientação mais rústica.

– Iluminação direcionada é uma maneira superbacana de dar destaque e valorizar um adorno especial.

– Quer sair do convencional? Esqueça (quase) todas as regras e misture à vontade!