Dica de decoração

Tecido: 6 dicas para escolher o mais adequado

16 MAIO 2017

Na hora de decorar, a escolha dos tecidos faz toda a diferença. Eles personalizam qualquer ambiente, da sala ao banheiro, dos móveis às paredes, da cozinha ao escritório. Para mudar a cara de um espaço, nem é preciso reformulá-lo inteiramente. Basta adicionar uma poltrona, um tapete, almofadas ou até a cabeceira da cama com um tecido diferente. Afinal, cores e texturas têm o poder de dar aquele “up” na decoração. Não há restrições quanto ao tipo de tecido para determinado estofado. Porém, é bom ficar atento à padronagem e à resistência do material em certos modelos ou estilos de móveis. Confira nossas dicas para a escolha do mix ideal para o seu ambiente!

 

Botonados pedem tecido liso

 

 

Tecido: 6 dicas para escolher o mais adequado

Na Decora Lider Rio de Janeiro, o Studio Ro+Ca optou pelo básico couro preto para revestir o grande puff capitonado.

 

 

Um tecido listrado, por exemplo, não fica bem em poltronas, chaises, cadeiras, camas ou puffs que tenham capitonado, botonado ou ponto puxado. Esses detalhes – que sozinhos são interessantes, dispensando outros atrativos – deixam as listras desencontradas, criando muita informação e um visual poluído.

 

 

Delicadeza para interiores

 

 

Tecido: 6 dicas para escolher o mais adequado

 

 

 

Tecidos mais delicados, caso do linho, da seda e do veludo, vão muito bem dentro de casa, como na Sala de Jantar e Estar de Melissa Cabral e Lívia Rios para a Decora Lider Vitória.

 

 

Resistência para áreas externas

 

 

Tecido: 6 dicas para escolher o mais adequado

O Jardim de Integração criado por Rose Rezende para a Decora Lider Vitória recebeu móveis em fibra sintética e tecido mais resistente – o par perfeito para áreas externas.

 

 

Já os tecidos náuticos, devido à maior resistência, são perfeitos para produtos em varandas ou áreas externas.

 

 

E o couro?

 

 

O couro, por ser pele, tem dimensão restrita, necessitando de recortes em determinadas áreas do estofado.

 

 

 

Tecido: 6 dicas para escolher o mais adequado

A bossa do puff Back, escolha de Sérgio Palmeiras na Suíte Master da Decora Vitória, é justamente o uso dos retalhos de couro com a costura aparente.

 

O couríssimo, revestimento sintético mais fino e, hoje em dia, bastante aprimorado, tem impressão e tons que seguem as últimas tendências. Sua base em manta de PVC o torna térmico e deixa o toque suave. Apropriado para qualquer tipo de estofamento, é ótimo em ambientes que exigem maior cuidado com a higienização, como cozinhas e salas de jantar.

 

 

Tecido: 6 dicas para escolher o mais adequado

Cadeiras em couro na cozinha do Loft, da BEP Arquitetos, na Decora Lider Brasília.

 

 

Tecidos atemporais

 

 

Tecido: 6 dicas para escolher o mais adequado

O Estúdio Nada se Leva e Raquel Nogueira apostam no que há de mais atemporal e perene no Espaço Identidade na Decora Lider Rio.

 

 

 

Tons neutros e tecidos mais resistentes são uma boa opção para quem não pretende trocar um estofado tão cedo.

 

 

Posso combinar mais de uma padronagem no mesmo ambiente?

 

 

Claro! O ideal neste caso é optar por um tecido liso e neutro nos estofados maiores, deixando as estampas, listras, cores e outros detalhes mais ousados para as poltronas, almofadas e tapetes. Estas peças podem, eventualmente, ser substituídas em uma renovação do décor ou para acompanhar as tendências.

 

 

 

Tecido: 6 dicas para escolher o mais adequado

Quarto do jovem casal, de Gabriela Dall´Orto para a Decora Lider Vitória.

 

 

 

A Lider Interiores oferece uma gama imensa de tecidos para seus estofados, entre eles algodão, linho, seda, poliéster, veludo, couros, soleta, couríssimo, náutico e jacquard, podendo ainda ser bordado, estampado, flocado, matelassado… No total, os catálogos somam em torno de 1.600 tecidos, em diferentes cores e padronagens. Dê uma passada na loja Lider mais próxima de você e confira nossas opções.